Tomara que eu esteja errado! 

21 JUN 2018
21 de Junho de 2018

A criminalidade no Rio de Janeiro continua brava! Em artigo anterior escrevi que provavelmente o nosso Exército Brasileiro estava entrando numa “fria” quando, por ordem do presidente Temer, assumiu o controle da Segurança Pública na capital fluminense, apelidada de Cidade Maravilhosa. Tudo indica que minha opinião estava certa, pois é quase impossível as forças militares federais consertarem ou mesmo minimizarem a terrível situação no Rio de Janeiro. Os tiroteios, os roubos de carga, as mortes de policiais continuam. Lá, mais do que no resto do país, a desigualdade social é tão grande e nefasta, que torna a vida dos cariocas um verdadeiro inferno! E, com os políticos que temos, consertar o descalabro social vai ser uma tarefa dificílima e muito demorada. 

Então, com o passar do tempo, entendo, o glorioso Exército Brasileiro seguirá com a missão impossível de melhorar a situação da linda e totalmente insegura Rio de Janeiro. A imagem da instituição militar, que tem sido considerada muito boa, dessa forma vai para as cucuias. Não sei por que os generais comandantes aceitaram assumir o controle de uma situação gravíssima como a do Rio. Eles, os generais, tinham obrigação de saber que era uma missão praticamente impossível de conseguir um bom ou razoável êxito em muitos meses de atuação. Repetindo, acho que o Temer jogou o nosso Glorioso Exército Nacional numa tremenda “gelada”! Oxalá eu esteja errado!  

Voltar

Faça a sua Utilidade Pública  e  Seu Apoio Cultural

3773-3700 / 3772-1086